sexta-feira, 1 de julho de 2011

Um ano e meio

Ontem o meu filhote completou 18 meses.

Dezoito meses!

Todos os dias antes dele dormir, quando ele vem do colo do pai para o meu, eu o abraço, beijo muito, e digo que ele é a coisa mais gostosa da minha vida. 

Desde que ele começou a interagir, que começamos a nos divertir juntos, eu dizia que o meu amor por ele era o maior possível. Ledo engano. Cresce a cada dia. Cresce junto com ele e com sua capacidade de entender o mundo e de nos surpreender.

Ele faz as mesmas coisas que qualquer criança desta idade faz. Mas eu, como qualquer mãe, acho que ele é demais, o mais esperto, o mais sagaz, o mais divertido e o mais inteligente.

Entre suas brincadeiras preferidas, está o esconde-esconde em volta da mesa. Chega a dar gritos de euforia quando percebe que vamos começar. Já gostou bastante de riscar qualquer papel com seus gizes de cera. Agora isto já não faz mais tanto sucesso.
Também se diverte com as tintas, mas isto requer mais disposição da minha parte, para a limpeza pós obras de arte!


Quase sempre me orgulho do seu apetite, do seu paladar variado (aquele menino que pedia brócolis no supermercado poderia ser ele, fácil, fácil) e da generosidade, já que ele gosta de dividir sua comida com os bonecos e com o passarinho de madeira que ganhou da babá.

De maneira geral, é um menino obediente e simpático. 

Depois de alguns ensaios, resolveu dormir noites inteiras. Ainda tem recaídas de saudades durante algumas madrugadas. Daí ele me chama e eu vou! Certo ele, porque neste frio, é bem mais gostoso dormir juntinho.
Ainda gosta bastante do mamazinho. Quando quer mamar, corre até o sofá, manda eu me sentar, batendo a mãozinha no assento e me olha com a maior carinha de felicidade.


Aprendeu a folhear os livros e revistas sem querer arrancar as páginas ou partes delas. E também já presta muito mais atenção nas figuras, identifica algumas coisas e não faz como a mamãe que olhava gibis de cabeça pra baixo. Quando ele vê que está do lado errado, inverte por conta própria!

Adora ficar no quintal, observando as formigas ou qualquer outro ser que se movimente.



Ainda não se aventura muito pelo mundo das palavras. Prefere apontar, fazer barulhos e gestos que expressem o que ele quer dizer.

Já faz uns três meses que ele aboliu definitivamente a chupeta, que já não era muito usada! De mamadeira ele também não quer saber. Nem eu! Nem o copo de transição é muito usado. Ele gosta mesmo é de tomar água e suco em copo normal. De vez em quando se arrisca a comer sozinho. Mas na maior parte do tempo, é como a maioria dos meninos, meio preguiçosinho.

Tem uma mania muito engraçada de segurar varios objetos com uma única mão, que podem ser colheres, gizes, peças de encaixar, papéis, etc.

Gosta dos cachorros e gatos da vizinhança, mas ainda tem um pouco de medo deles. A Mel (uma cocker fofinha que mora no fim do nosso quarteirão), é nossa amiga. Recebe nossa visita diariamente no fim da tarde. Parece que até ela já se acostumou com esta rotina.

Adora mexer nos nossos calçados. Ainda não se arriscou a calçar um "normal". Mas gosta de colocar este aqui e treinar para ser palhaço:



Nunca teve nada sério com relação a saúde. Este ano, nem resfriado ele ficou. Teve uma única tarde de febre, quando os molares estavam aparecendo. Só!  Graças a Deus, meu pequeno herdeu de mim o maior bem de todos, o mais importante, o mais valioso: saúde!

Assim é o meu Gustavo com dezoito meses. Não mais um bebê, mas um molequinho. Um molequinho peralta e feliz. Que deixa meu coração pequeno para o tamanho do amor que ele me faz sentir.


11 comentários:

Paloma, a mãe disse...

Fabi, difícil escolher foto mais bonita. Como ele está lindo! Vê-se que é um menino feliz. E saudável. O que mais uma mãe pode querer?
Felicidades sempre para este pequeno!
Beijos

Martha disse...

Ai Fabi.. fiquei aqui suspirando..
Mais uma vez, nos vejo (eu e Laís) em muito de sua descrição do pequeno no auge dos seus 18 meses!!!
Lindo, lindo, lindo!
Daqui 10 dia nós é que chegamos a esse estágio da vida da pequena... e ispirada em vc, vou tentar fazer um resumo tão delicioso de ler quanto o seu!
Parabens ao pequeno!
Bjnhos em vcs!

Nayara Kraemer disse...

Ah Fabi que lindo !!!!
Ele já está um homenzinho ... E que delícia que já esta dormindo a noite toda ...
Mas o que eu mais gostei do post foi o momento voce narrando que ele bate a mãozinha no sofá , pedindo para você sentar para daro peito para ele !!!! Aahahhaah que figurinha ...
E quanto as palavras , aqui em casa o negócio anda devagar quaaaase parando ! Os meninos costumam ser mais preguiçosos para falar , já as meninas , essas já nascem falando ... Rsrs !
Bjokas

Lia disse...

Identifiquei várias coisas em comum por aqui! Emília não fica doente desde que eu engravidei, olha que coisa linda! Este ano ela não perdeu nem um dia de creche.
E isso de bater no sofá pra mamar... aqui é igualzinho! :)

Kelly Resende disse...

Parabéns para o Gustavo! Ele está lindo demais! Aqui pra pedir o mamá ela pede e fica repetindo até ganhar, e se deixar mama várias vezes por dia, até hoje só dorme no peito. rsss
Beijos

Rapha da Alice disse...

Viva!!!
Muito lindo, lindas fotos!
Que delícia ler o desenvolvimento...
E é incrível pensar que o amor pode aumentar a cada dia, né?

Rapha, mãe da Alice
http://maternarconsciente.blogspot.com/

Cíntia Anira disse...

Parabéns Fabi!
Olha, preciso dizer que fiquei louca pela sua "helicônia" ou "strelitzia" como preferir. Estou procurando e não encontro nem artificial. E vc, tem um pé em casa? Ah céus! Acho liiiindo!

Beijo

Chris Ferreira disse...

OI Fabi,
parabéns pelos 18 meses e todas as conquistas.
Lindas as fotos. A brincadeira de pintura faz sucesso e também muita sujeira. Eu usava os blocos de filp chart porque as folhas são enormes e facilitava muito na hora da limpeza.
beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Dea, a mamae da Nina disse...

parabens p mocinho Gustavo, digo moçao!!!!
Evoluçao total em um ano e meio né, muito bom de acompanhar.
Aqui tb Nina é fã de brocolis e tudo mais, grita qdo vamos ao hortifruti, de alegria.
Bjks mil

Carla Arruda disse...

Fabi, só para deixar registrado que Henrique virou fâ dessas fotos do Gu e do vídeo (assim o Gu poderá ler quando for adolescente e tirar sarro do Henrique) huahuahuahua
Ele é um encanto de menino e isso é reflexo da dedicação de vocês.
Gostamos demais de vocês 3!
Beijos

Juliana disse...

Ai Fabi, que alegria ser mãe e observá-los crescendo né? Como cabe tudo isso dentro do coração da gente? Bom demais, uma preciosidade. Ele está muito lindo!!!

Related Posts with Thumbnails