terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Nossos desejos

Estou bem ansiosa pela viagem.
Claro que de uma maneira muito diferente de quando eu vim, porque naquela ocasião, eu estava com medo de viajar sozinha com o Gustavo, medo de não dar conta, dele dar muito trabalho, etc, etc, etc.
Desta vez vamos os três juntos e não tenho receios pelo comportamento que ele terá durante o voo.
Desta vez a minha ansiedade é de guardar tudo logo nas malas e ver se tudo vai caber e ver se tudo vai chegar (bagagens despachadas em voo com escala é sempre um risco). Claro que já está quase tudo pronto (e as malas já estão beeem cheias), mas ainda faltam aquelas coisas que só dá para guardar na última hora.
Viajar com bebê já significa carregar uma tralha danada. Ainda mais depois de ter passado 4 meses nos Estados Unidos onde as tentações consumistas são muitas e eu sucumbi a varias delas. Aí já viu né? Haja espaço...

***

Bem, a última música de Natal que vou colocar aqui este ano, leva os nossos desejos de um Natal abençoado para todo mundo e de um ano novo mais feliz ainda (no meu caso, 2010 já foi maravilhoso e se 2011 for ainda melhor, tenho que subir as escadarias de alguma igreja de joelhos).


E para encerrar, fotos da minha felicidade!





É isto aí pessoal... felicidades proceis também!

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Let it rain...

Estamos aqui num cenário cinza, ao som de chuva e muito vento.

Mas para alegrar um pouco o dia, nada melhor do que música.

sábado, 18 de dezembro de 2010

Filho, vamos bater um papinho?

Gu, hoje tem música aqui de novo, mas abrindo uma exceção, esta não é de Natal.

Ontem, enquanto você dormia e eu arrumava algumas coisas na mala, seu pai me mandou esta música:



Enquanto eu ouvia, li e reli a letra algumas vezes.
E me emocionei.
E chorei.

You're Gonna Miss This

She was staring out the window of their SUV
Complaning, saying "I can't wait to turn 18"
She said "I'll make my own money, and I'll make my own rules"
Mamma put the car in park out there in front of the school
Then she kissed her head and said "I was just like you"

You're gonna miss this
You're gonna want this back
You're gonna wish these days hadn't gone by so fast
These are some good times
So take a good look around
You may not know it now
But you're gonna miss this

Before she knows it she's a brand new bride
In a one-bedroom apartment, and her daddy stops by
He tells her "It's a nice place"
She says "It'll do for now"
Starts talking about babies and buying a house
Daddy shakes his head and says "Baby, just slow down"

Cause you're gonna miss this
You're gonna want this back
You're gonna wish these days hadn't gone by so fast
These are some good times
So take a good look around
You may not know it now
But you're gonna miss this

Five years later there's a plumber workin' on the water heater
Dog's barkin', phone's ringin'
One kid's cryin', one kid's screamin'
And she keeps apologizin'
He says "They don't bother me.
I've got 2 babies of my own.
One's 36, one's 23.
Huh, it's hard to believe, but...

You're gonna miss this
You're gonna want this back
You're gonna wish these days hadn't gone by so fast
These are some good times
So take a good look around
You may not know it now
But you're gonna miss this

E respondi para o seu pai:

"É assim mesmo!
As pessoas estão sempre querendo estar um passo a frente e quando chegam na frente, querem voltar atrás...
Eu olho todo dia a minha volta (pra este molequinho dentucinho) e sei que o que estamos vivendo são bons tempos.
Talvez os melhores tempos das nossas vidas !!!
E tenho certeza que vou sentir falta...
Aliás eu sou muito diferente da maioria, eu não quero adiantar nada, quero aproveitar o agora.
E como se isto não bastasse, eu ainda sinto saudades das coisas por antecedência."

É filho, quando você entender melhor das coisas, vai perceber que eu sou muito emotiva.
Vivo os meus sentimentos com intensidade.
E sinto saudades do que ainda não acabou.
Estranho, né?

Estamos às vésperas do nosso retorno para o Brasil e eu estou com as emoções mais afloradas. Passamos dias muito felizes aqui e eu vou sentir falta.
Também estamos às vésperas do seu primeiro aniversário e quando olho para trás e vejo o quão maravilhoso foi este seu ano de estréia no mundo, não consigo não me emocionar.

Eu sigo a risca um conselho que vem de toda parte, até de desconhecidos na rua, de aproveitar muito enquanto você é bebê, porque esta fase passa muito rápido!
E mesmo assim, às vezes sinto que falta viver mais!

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Música do dia


Santa Claus is coming to town

You better watch out
You better not cry
Better not pout
I'm telling you why
Santa Claus is coming to town
He's making a list
And checking it twice;
Gonna find out Who's naughty and nice
Santa Claus is coming to town
He sees you when you're sleeping
He knows when you're awake
He knows if you've been bad or good
So be good for goodness sake!
O! You better watch out!
You better not cry
Better not pout
I'm telling you why
Santa Claus is coming to town
Santa Claus is coming to town

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

E a música do dia é...




It's the most wonderful time of the year


It's the most wonderful time of the year
With the kids jingle-belling
And everyone telling you
Be of good cheer
It's the most wonderful time of the year

It's the hap-happiest season of all
With those holiday greetings
And great happy meetings
When friends come to call
It's the hap-happiest season of all

There'll be parties for hosting
Marshmallows for roasting
And caroling out in the snow
There'll be scary ghost stories
And tales of the glories
Of Christmases long, long ago

It's the most wonderful time of the year
There be much mistletoe-ing
And hearts will be glowing
When loved ones are near
It's the most wonderful time of the year

Woah, there'll be parties for hosting
Marshmallows for roasting
And caroling out in the snow
There'll be scary ghost stories
And tales of the glories
Of Christmases long, long ago

It's the most wonderful time of the year
There be much mistletoe-ing
And hearts will be glowing
When loved ones are near
It's the most wonderful time
It's the most wonderful time
It's the most wonderful time of the year

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Em clima de Natal - White Christmas



I'm dreaming of a white Christmas
Just like the ones I used to know
Where the treetops glisten,
and children listen
To hear sleigh bells in the snow

I'm dreaming of a white Christmas
With every Christmas card I write
May your days be merry and bright
And may all your Christmases be white

I'm dreaming of a white Christmas
With every Christmas card I write
May your days be merry and bright
And may all your Christmases be white

Em clima de Natal

Este vai ser o primeiro Natal do Gustavo.
Em homenagem a isto, nos próximos dias vou colocar aqui no blog algumas músicas natalinas que eu adoro.
E para começar, Jingle Bell Rock
Filho, é para você com amor!

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Que vento, carapálida?

Este foi nosso penultimo fim de semana aqui.
E resolvemos aproveitar o tempo lindo que estava e fomos no outro parque da Disney aqui da Califórnia para ver a decoração e as atrações de Natal.

Mas nosso passeio não rendeu muito.
O parque estava lotado e a queima de fogos de Natal não aconteceu.
O show Believe in Holiday Magic, foi cancelado por causa dos ventos fortes, segundo eles. E o mais engraçado é que ninguém viu uma folha de árvore se mexer por causa do "vento"!
O show seria às 20:40h e nós ficamos parados lá esperando por "apenas" meia hora, mas teve gente que ficou sentado desde bem cedo, e esperou beeeemm mais que isto. Então imagine, o povo (inclusive nós) estava cuspindo marimbondo. Aí, pra não ficar sem mostrar nada, colocaram o plano B no ar. Uma musiquinha, luzes mudando de cor no castelo, e uma nevezinha saindo dos postes. Bem mequetrefe para os padrões da Disney.

Saldo do passeio: poucas fotos, um bom dinheiro a menos no bolso, uma chupeta e um pé do tênis do Gu perdidos.

Eu poderia dizer que este entardecer salvou o dia.



Mas a verdade é que ficamos bem decepcionados com o cancelamento do show. Mas enfim, fazer o que né? Paciência...

Esta foto do castelo foi tirada enquanto
ainda esperávamos pelo show.


Daí ontem fomos dar comida para os patos no lago.
Diversão garantida (pelo menos para o Gu) e de graça.
Não é impressionante como criança fica hipnotizada vendo os bichinhos comer? Não sei dizer quanto tempo ficamos lá, mas o Gustavo ficou tão quietinho, que em alguns momentos cheguei a pensar que ele tinha dormido no meu colo.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Andanças

Depois de exatos 5 dias dos primeiros passinhos tímidos, ontem o Gu se empolgou com a novidade e parecia que não queria parar de andar nunca mais!

Começou já durante a tarde.

Ficou em pé sozinho e se jogou no vazio da sala. Caiu e levantou tantas vezes quantas foram necessárias para conseguir dar mais do que os dois passinhos que já eram habituais!



video

Depois, a noite, o meu pequeno andarilho pegou fogo!
Ele já estava craque em dar voltas (varias, muitas) em torno da poltrona, sempre se apoiando. Estava tão craque que a cada volta, ele batia o próprio recorde de velocidade. Parecia que ele estava numa corrida. Era engraçado de ver e apelidamos a corrida de "500 Milhas de Irvine".
Toda noite tinha "treino" aqui em casa.
Mas ontem o treino evoluiu e ele correu andou sem se apoiar.
E se empolgou tanto, que não queria saber de dormir.
E riu muito. O ato de andar para ele, parecia ser a coisa mais engraçada do mundo. Parecia que estava embriagado.
Nos divertimos muito!
E quando ele finalmente dormiu, exausto, já era quase meia noite.

Agora que venham outras andanças.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Rumo a vida

Quarta-feira foi o início de uma longa e bela jornada na vida do Gu. Ele deu seus primeiros passos sozinho.

De tudo o que eu já vi ele fazendo "pela primeira vez", isto foi, sem dúvida, o mais emocionante pra mim.

Daqui pra frente, ele vai aprimorar o equílibrio e cada dia mais vai deixar de se apoiar nos móveis ou de se agarrar nas nossas pernas pedindo ajuda.

Aos poucos ele vai ganhar a sua independência.

E assim, a sua fase de bebê vai ficando para trás.

É fascinante observar o desenvolvimento dele.
Tão natural e tão instigante.
E ao mesmo tempo em que me orgulho das suas conquistas, eu sinto uma pontinha de nostalgia.
Sentimentos contraditórios, eu sei.
Mas há de haver alguma mãe neste mundão de meu Deus, que entenda o que eu estou sentindo.

***

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Calendário "Amamente"

Gente, o calendário Amamente, idealizado pelo Ishtar de Sorocaba, que eu comentei neste post aqui,  ficou pronto!

As fotos foram feitas pela Kelly Stein, e as modelos são mães que participam ou já participaram das reuniões do grupo e seus filhos.

O resultado ficou lindo e quem quiser comprar o calendário, ajudar o grupo e divulgar esta causa mamífera, pode entrar em contato com o Ishtar através do e-mail espacoishtarsorocaba@gmail.com.














Imagens da Pata Fazendo Arte.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

11 meses de gostosura

Daqui pra frente não tem mais mesversário.

Tudo bem que eu não sou como a Adrianne Galisteu e nunca fiz nem bolo para os mesversários do Gu. Mas comemorar, a gente comemora, né? E isto não é só a cada dia 30. É todo dia. Toda hora.

Mas daqui pra frente a comemoração oficial  mesmo, vai ser só uma vez por ano!

E vou aproveitar este último mesversário para deixar um registro das habilidades, conquistas e do desenvolvimento do meu pequeno de maneira geral:

- Gu  ainda não fala nadica de nada. No máximo o "mãmãmã", quando está com muito sono e eu ainda invento de trocar fralda ou quando está com fome e ainda falta um pouco para terminar de cozinhar os legumes.

- Em compensação, estou pensando em inscrevê-lo na São Silvestre, porque do jeito que vai, daqui um mês ele já estará apto a competir com os quenianos (salvo a pequena diferença de tamanho das pernas, claro!)

- Falar não fala, mas grita que é uma beleza. Também tem mania de forçar uma tossezinha sem vergonha pra chamar a nossa atenção.

- É bravo e inquieto. Mas isto não é novidade. Desde bem pequeno já se notava este traços da sua personalidade.

- Aprendeu a dar piscadinha já tem um tempo e agora mesmo sem a gente pedir, muitas vezes ele aperta os olhinhos pra gente (charmoso que só vendo).

- Aprendeu a bater palma e também gosta de praticar em horários bem alternativos, tipo de madrugada por exemplo.

- Às vezes acho que ele tem um pouco de sonambulismo. Já peguei ele em pé no berço varias vezes e nem bem coloco ele no peito, ele já tá dormindo de novo.

- Tem obsessão por jogar as caixas de DVD no chão.

- Ainda não tomou nenhum banho de chuveiro, com exceção de um acidental, quando ele puxou o botão da banheira e água parou de sair na torneira e saiu no chuveiro. E como foi sem nenhuma preparação e a água estava fria, obviamente, ele não gostou muito.

- Tira dois cochilos de mais ou menos uma hora cada um por dia. E dificilmente dorme de outra forma que não seja dando uma volta de carrinho (será que um dia ele vai dormir sozinho, no cadeirão  por exemplo, igual estes que a gente vê nas video cacetadas?)

- Dormiu a noite toda só umas 3 vezes na vida. No resto, ele costuma variar a quantidade de vezes que acorda. E isto varia entre 2 e sabe-se lá quantas (nas épocas em que estou muito cansada e ele acorda bastante, fica difícil contar)

- Anda com mania de me dar tapas. Eu sempre recrimino, falo que não pode, que tem que fazer carinho e tals. Mas tá difícil dele entender.

- Também tem mania de puxar as roupas que estamos vestindo. Manga, gola, calça, não importa. Se o pano esticar (tipo malha), parece que ele gosta mais ainda, e a gente, menos ainda.

- Também gosta de puxar pra baixo, a gola das roupas que ele próprio está usando. Ele tem uns bodies cujas golas já estão na altura da barriga. Sem chance de recuperação.

- Adora brincar de "se esconder" atrás da poltrona e quando eu o "encontro", grita de alegria.

- Está com 4 dentes na arcada inferior e 4 na superior.

- Já falei que ele só quer andar, né? Seja segurando nas nossas mãos, seja em volta da poltrona, onde ele dá um monte de voltas de tempos em tempos (tô dizendo que ele anda se preparando para ser maratonista!), seja no walking wings (pois é, comprei!). Enfim, não interessa como, mas o negócio do momento é andar.

Bom, vou parar por aqui porque já estou ficando repetitiva. Mas antes de encerrar, vou falar da maior habilidade desta pessoinha:

- Nos conquistar cada dia mais e mais e mais...



video
Related Posts with Thumbnails