quarta-feira, 28 de abril de 2010

O sono

A definição de sono segundo o dicionário Priberam:

1. Estado fisiológico caracterizado pela insensibilidade dos sentidos e pelo repouso que proporciona.
2. Sentimento da necessidade de dormir.


As duas definições parecem meio contraditórias, não?
Se você está com vontade/necessidade de dormir, está com sono e se você está sanando esta necessidade, também é sono.

Mas enfim, definições a parte, o que não faz uma boa noite de sono na vida de uma pessoa né?

Hoje estou me sentindo gente de novo!

Depois de um longo período de noites igualmente longas e de sono interrompido, esta noite o Gu dormiu OITO horas seguidas!! :-D
Tudo bem que eu acordei com os peitos enormes, duros, vazando e doendo. Tudo tem uma consequência nesta vida. Mas ainda assim, comemoro!

Ju da Lulu, desculpe, mas eu tinha que registrar!

5 comentários:

Flavia disse...

hahhhahaha
Bom demais e tem mesmo é que registrar (e aproveitar)!
Bjs

João ou Julia ? disse...

Hummmm ... que delícia ! Agora isso vai acontecer com mais frequência até o dia que você vai esquecer o que são noites mal dormidas ...
Bjokas

Renata disse...

Ai que delíciaaaaaaa! Também quero!! rs!
E é isso mesmo, agora essas noites serão muito mais frequentes, vc vai ver! Aproveite!
beijos, Re

Lia disse...

Iei! Que beleza!
Quando a Emília parou de mamar de madrugada também rolou esse fenômento peitos-doloridos-quase-explodindo-ao-amanhecer. Mas daqui a pouco seu organismo se acostuma e os peitões vão estar menos explosivos.

Ju disse...

AHHHHHHH , tá desculpada , vai..rsrs To feliz por você! Agora deixa eu contar , Lulu tomou um antialergico por causa da abelha e dormiu onze horas (com intervalinho de dez minutos) Adivinha se dormi???? Não consegui porque tava preocupada porque ela tava dormindo tanto. rsrsrsr Vou postar.
beijo

Related Posts with Thumbnails